quarta-feira, 30 de julho de 2014

SICOOB FINANCIA VEÍCULOS PARA ASSOCIADOS DO SOERN

Agora o SOERN tem a sua própria cooperativa de crédito e ela foi feita para você.
O SICOOB SINDICRED foi criada para os odontólogos e demais profissionais e estudantes da área de saúde, que atuam em Natal e região metropolitana. Para funcionar, recebemos a autorização do Banco Central do Brasil – BACEN.

A nossa cooperativa representa uma solução para todos os que buscam uma alternativa diferenciada para o atendimento de suas necessidades, disponibilizando produtos e serviços sob medida, que fortalecem a sua saúde financeira, através das melhores taxas do mercado.


Prestigie mais essa ação do SOERN, o nosso sindicato.

Política Nacional de Saúde Bucal


O presidente do SOERN, Dr. Ivan Tavares, junto com Dr. José Ferreira Campos Sobrinho, Presidente da Federação Internacional dos Odontologistas (FIO) participarão do lançamento do novo componente da Política Nacional de Saúde Bucal – GraduaCEO.  Este evento contará com a presença do Excelentíssimo Senhor Ministro de Estado da Saúde Arthur Chioro e realizar-se-á em 05 de agosto de 2014 (terça-feira), no horário das 10h30 às 12h30, no Auditório Emílio Ribas, localizado no térreo do  Ministério da Saúde, Bloco G, Esplanada dos Ministérios, Brasília-DF.

https://ssl.gstatic.com/ui/v1/icons/mail/images/cleardot.gif

Eleição da CNTU


Nos dias 31 de julho e 01 de agosto, em São Paulo, acontece a Eleição da Confederação Nacional dos Trabalhadores Liberais Universitários Regulamentados (CNTU).  O representante do SOERN, junto à FIO será o diretor Flávio Calife e  representando a Federação Interestadual dos Odontologistas (FIO), o presidente da federação, Dr. José Campos .

Reposição da greve

Para aqueles profissionais que participaram da greve, mas não assinaram o termo e acordo dentro do prazo estabelecido, só vão receber a reposição da greve no contra cheque de agosto. Os servidores que vieram com desconto no vencimento  do mês de julho e/ou não tiveram o estorno realizado, deixem com a máxima urgência a cópia do contra cheque no SOERN, em horário comercial.

Retroativo será pago em 10 de agosto


O SOERN entrou em contato com a Secretaria Municipal de Saúde de Natal sobre o retroativo da data base de março, que não foi pago, conforme prometido em mesa de negociação com o Secretario Cipriano Maia. A resposta da Secretaria  veio através da adjunta Miranice Crives, a qual afirmou para o Sindicato que o valor a ser pago será feito no dia 10 de agosto, em folha complementar.

Comunicado

A direção informa que, está estudando com profundidade a situação dos municipalizados e dará os devidos esclarecimentos, tanto no que tange a questão da isonomia quanto da Lei 511, na Assembleia do dia 19/08/2014, às 10h30min no Conselho Regional de Odontologia - CRO/RN.

sexta-feira, 25 de julho de 2014

SOLENIDADE DE POSSE DA DIRETORIA DO CRO/RN


Fique por dentro da Odontologia Hospitalar

Informamos os interessados que está em andamento o processo de negociação dos serviços de Odontologia Hospitalar nos Hospitais do RN.
Após o término do projeto elaborado pelo SOERN foi encaminhado ao setor de Recursos Humano da Secretaria de Saúde Estadual- Sesap/RN.
O presidente Ivan Tavares, na última quinta-feira, 18, deu continuidade ao projeto à Assessoria Jurídica da Secretaria.
Espera-se que após apreciação jurídica seja criada a portaria para implantação do serviço de odontologia nas Unidades Hospitalares do estado.

O SOERN está acompanhando  o trâmite deste processo. Acompanhe mais informações neste Blog.





sexta-feira, 18 de julho de 2014

3º COBRAPO EM NATAL

Mais detalhes: www.somge.org.br/cobrapo
cobrapo2014@gmail.com

quinta-feira, 17 de julho de 2014

CFO DISCUTIU MEDIDAS DO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO - APROVADO O SUPERSIMPLES


Com a participação do Presidente da Federação Interestadual dos Odontologistas (FIO), José Ferreira Campos Sobrinho, entidades ligadas à Odontologia se reuniram no último dia 15.07, na sede do Conselho Federal de Odontologia, em Brasília, para discutir as normas do MEC que desautorizam entidades que não se enquadram na definição de Instituições de Ensino Superior (IES) a ofertar cursos de pós-graduação latu sensu

Nota técnica do Ministério sobre o assunto, datada de 21 de junho de 2013, esclarece que somente as IES estão habilitadas a ofertar esse tipo de curso.
        
A nota ressalta que entidades que não se enquadravam na categoria de IES podiam obter um credenciamento especial para a oferta de curso superior no Sistema Federal de Ensino, conforme Resolução do Conselho Nacional de Educação nº 01/2007. “No entanto, com o advento das Resoluções CNE/CES n.º 4/2011 e    n.º 7/2011, tal possibilidade foi revogada”, arremata a nota.
        
Isto quer dizer que os cursos oferecidos por entidades não classificadas como IES não têm validade como curso de especialização. 
Serão considerados cursos livres, sem valor de título de curso superior para fins do disposto no art. 48 da Lei nº 9.394/96. A nota técnica do MEC esclarece ainda que “eventual oferta de curso livre como se fosse curso de pós-graduação lato sensu poderá configurar indício de irregularidade no campo dos direitos civil e do consumidor, além de irregularidade penal”.
        
O CFO, preocupado com o prejuízo que tal medida pode acarretar a entidades que oferecem esse tipo de curso na área da Odontologia, prejudicando consequentemente os respectivos estudantes, reuniu-se com representantes das entidades de Odontologia para discutir o assunto. 

Os presentes na reunião chegaram à conclusão de que uma comissão deverá procurar o Ministério da Educação para esclarecer melhor as normas editadas e procurar uma saída.                    

O presidente da FIO reconhece que a normatização é muito clara, mas aponta a falta de diálogo, por parte do Ministério, com as entidades de classe antes de tomar essa providência.
        
Está em tramitação na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 4645/2012, de autoria do deputado Dr. Grilo, estabelecendo que os títulos de especialização emitidos por entidades de classe profissional, inclusive associações de caráter científico cultural registradas nos respectivos Conselhos Profissionais, equiparam-se aos emitidos pelas Universidades como prova de títulos, inclusive com a mesma pontuação. 

O projeto se encontra na Comissão de Educação aguardando parecer do relator, deputado Lelo Coimbra (PMDB/ES). As entidades deverão trabalhar também para tentar acelerar a tramitação desse projeto.
        
Na reunião também foi discutida a aprovação da universalização do Supersimples pelo Senado, ocorrida nesta semana. 

O texto aprovado será encaminhado para sanção da presidente da República. Nele, os Cirurgiões Dentistas são incluídos no regime especial de tributação, mas não do jeito que esses profissionais esperavam. 

Por isso, as entidades trabalharão para que um novo Projeto de Lei seja discutido na Câmara dos Deputados, apenas para a Odontologia, atendendo à demanda e expectativa inicial.

SENADO APROVOU A UNIVERSALIZAÇÃO DO SIMPLES NACIONAL 

O Plenário do Senado aprovou, por unanimidade, projeto que universaliza o Supersimples, incluindo 140 categorias profissionais no Simples Nacional, entre elas a Odontologia. 

Embora a lei beneficie a categoria com redução da carga tributária, definindo uma tabela escalonada, o Projeto determina para a Classe, junto com algumas outras categorias, o nível mais alto de tributação entre as pequenas e micro empresas: 16,9%. 

A matéria fora aprovada na Câmara em junho, e agora segue para a sanção da presidente Dilma Rousseff.
O texto, aprovado no dia 16/07 pelo Senado permite que qualquer empresa da área de serviço ingresse no regime especial de tributação, desde que seu faturamento anual não exceda R$ 3,6 milhões

Criado em 2007, o Simples Nacional é um regime tributário especial que reúne o pagamento de 06 (seis) tributos federais. Em vez de pagar uma alíquota para cada tributo o micro e pequeno empresário recolhe, numa única guia, um porcentual sobre o faturamento, que é repassado para os três níveis de governo.

O deputado Dr. Grilo, em entrevista concedida ao Boletim da FIO, afirmou que o Projeto, embora beneficie os Cirurgiões Dentistas, não traz tanto benefício quanto o Projeto que ele apresentou em 2011. 
Apresentei um projeto incluindo o consultório odontológico no Simples. É o projeto de lei complementar 86/2011, que visa a incluir os Dentistas no Simples, como uma forma de simplificar a arrecadação e reduzir a carga tributária. 
Entendemos que nosso projeto era mais benéfico para o Dentista. Ou seja, com a inclusão dos Cirurgiões Dentistas no Simples haveria uma redução da carga tributária. 

Esse projeto, que veio pelo Governo, simplifica, mas não traz a redução de forma significativa como o Projeto que havíamos proposto. É um ganho, sim, mas poderia ser melhor”, concluiu.

FONTE: Paulo Passos - Jornalista da FIO - Com informações da EBC
  

SOERN se reúne com chefe de Gabinete Civil

A direção do SOERN esteve hoje pela manhã (17), na Prefeitura de Natal, para se reunir com o secretário chefe de Gabinete Civil Kleber Fernandes. O motivo da reunião foi para apresentar alguns pontos já discutidos com o Secretario de Saúde do Município, Cipriano Maia, como: formalização da proposta do estorno do desconto da greve e negociação dos dias parados; aumento das gratificações do PSF e CEO; inclusão dos cirurgiões–dentistas na GEAUE; melhorias das condições do trabalho; quebra da isonomia salarial; participação na comissão de discussão sobre a previdência do município e também sobre os métodos utilizados pela PMN na condução do processo de greve.

 O presidente do SOERN, Dr. Ivan Tavares, falou de todos os pontos e pediu uma atenção especial ao Morton Mariz, com o fim de oferecer um melhor serviço à população, considerando a demanda existente nessa Unidade.   A secretária de  comunicação social, Dra. Teresa Neumann, completou e pediu para que esse olhar da gestão seja mais sensível e participativo com o servidor  também.

 O secretário chefe de Gabinete Civil, Kleber Fernandes, falou da importância desse momento e enalteceu a mesa de negociação, realizada na Secretaria Municipal de Saúde, ao receber a pauta levada pelo presidente Dr. Ivan Tavares. O secretário garantiu discutir com o Prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves.

Na oportunidade, Kleber Fernandes ligou para o secretario de saúde, Cipriano Maia que assegurou o estorno do desconto salarial realizado no contra-cheque dos servidores que aderiram a greve para esse mês de julho, mediante o termo de compromisso assinado pelos servidores. “Acabei de falar com o secretario Cipriano Maia e ele confirmou o pagamento para esse mês, e os outros pontos eu irei apresentar ao Prefeito Carlos Eduardo”, ressaltou.



 

SOERN na prefeitura

Nesse exato momento, a diretoria do SOERN aguarda o secretário chefe de Gabinete CiviL, Kléber Fernandes. A reunião marcada essa semana tem com pauta: melhores condições de trabalhos, formalização da proposta de estorno do desconto da greve e negociação dos dias parados, já discutidos em mesa de negociação com a SMS; aumento da gratificação do PSF; aumento da gratificação do CEO, inclusão dos Cirurgiões-dentistas na GEUAE; discutir sobre os métodos utilizados pela PMN na condição do processo da greve; quebra de isonomia; participação  na Comissão de discussão da previdência do município.

Na foto a diretoria:

quarta-feira, 16 de julho de 2014

Confira a Tabela de Mudança de Nível publicada no Diário Oficial

Confira a publicação do Diário Oficial contendo a Tabela com os beneficiados da mudança de nível, clicando no link abaixo:

http://187.60.78.22/dei/dorn/docview.aspx?id_jor=00000001&data=20140705&id_doc=464175

Portaria nº. 119  /2014-GS/SEARH/SESAP                                       
Natal, 03 de Julho de 2014.
                               O SECRETÁRIO DE ESTADO DA SAÚDE PÚBLICA e o SECRETÁRIO DE ESTADO DA ADMINISTRAÇÃO E DOS RECURSOS HUMANOS no uso de suas atribuições legais e de conformidade com o disposto no Capítulo V da Lei Complementar nº. 333, de 29 de Junho de 2006, e do art. 26 do Decreto nº. 21.518, de 26 de janeiro de 2010.
RESOLVEM:
Art. 1º Divulgar a Progressão dos servidores da SESAP com base nos resultados da Avaliação de Desempenho Individual dos Servidores da Saúde – ADISS referente ao ano avaliativo de 2012.
Art. 2º Os efeitos financeiros desta Portaria passarão a contar no mês de Setembro do corrente ano, exceto para os ocupantes do cargo efetivo de Médico, conforme Ata da Reunião da Comissão Permanente de Negociação datada em 09 de Abril de 2014.
Registre-se, Publique-se e Cumpra-se.
Luiz Roberto Leite Fonseca
SECRETÁRIO DE ESTADO DA SAÚDE PÚBLICA
Antônio Álber da Nóbrega

SECRETÁRIO DE ESTADO DA ADMINISTRAÇÃO E DOS RECURSOS HUMANOS

SOERN se reúne com representante da prefeitura

Na manhã desta quinta-feira,17, às 08h30, no Palácio Felipe Camarão - Sede da Prefeitura, o SOERN representado por sua diretoria participa de uma audiência com o Kléber Fernades, Secretário Chefe do Gabinete do Prefeito.

Saiba como participar da Mostra Fotógrafica

Participe da Mostra Fotográfica do SOERN, um  projeto idealizado pela cirurgiã dentista Lúcia, baseado no registro dos profissionais nas unidades de saúde, retratando a situação precária de cada uma.

 As fotos serão enviadas para o SOERN e escolhidas pela diretoria, juntamente com a idealizadora do projeto. Participe!! Envie seu registro para soernodonto@yahoo.com.br . A data da MOSTRA  ainda não está definida, mas as fotos mais criativas serão as selecionadas pela diretoria e pela idealizadora do contato.

sexta-feira, 11 de julho de 2014

Assembleia para os servidores do município e municipalizados de Natal

No dia 15 de julho (terça-feira), ás 10h, no Conselho Regional  de Odontologia - CRO, será realizada assembleia para os servidores do município e municipalizados de Natal.

A pauta será:

- Negociação da greve com a SMS/ Mesa de negociação;

- Continuidade da luta pelos municipalizados.

Compareça e divulgue!

 

Endereço do CRO: Rua Cônego Leão Fernandes, 619 - Petrópolis - Natal/RN

terça-feira, 8 de julho de 2014

TJRN determina implantação imediata de reajuste para 16 mil servidores do estado


O Governo do Estado terá que implantar, imediatamente, um reajuste de 60% no contracheque de aproximadamente 16 mil servidores. O benefício é referente ao efeitos financeiros garantidos na Lei Complementar Estadual (LCE) nº 432/2010 que fixou o Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração (PCCR). De acordo com o Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Indireta do Rio Grande do Norte (Sinai), o impacto na folha de pessoal será de aproximadamente R$ 9 milhões.

A decisão foi expedida na última sexta-feira, dia 4, e publicada no site do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) na manhã da última segunda-feira, dia 7.  O relator do processo foi o desembargador Vivaldo Pinheiro. 
Em caso de desobediência a ordem, o Estado será multado. “Atendendo ao requerimento da parte Impetrante, intimem-se as Autoridades Coatoras para cumprir o v. acórdão, para que implante, imediatamente, os efeitos financeiros da Lei Complementar Estadual nº 432/2010 nos contracheques dos beneficiários alcançados pela referida LCE, sejam ativos, inativos e pensionistas, com respectivos reflexos financeiros, sob pena de multa diária de R$ 1.000,00”, decidiu o desembargador.De acordo com o coordenador geral do Sinai, José Nilson Bezerra, o reajuste será concedido a servidores de dez secretarias da administração direta. A maioria, da secretaria de Estado da Educação e da Cultura (SEEC).
José Nilson disse ainda que a decisão do desembargador Vivaldo é definitiva. Não cabe recurso. “A ação já foi contestada pelo Estado e eles conseguiram a suspender a aplicação do reajuste com uma manobra no Supremo Tribunal Federal. Agora não cabe mais recurso. Já fizeram o pagamento de 40% correspondente ao PCCR e agora tem de pagar os 60% restantes”, disse o coordenador.
Com informações da Tribuna do Norte

segunda-feira, 7 de julho de 2014

PREFEITO DECIDIRÁ SOBRE ABONO DAS FALTAS

Hoje, 07/07, no período da tarde aconteceu a 4ª Mesa de Negociação Extraordinária do Município de Natal. A pauta em evidência foi o abono das faltas e o estorno do desconto salarial realizado no contra-cheque dos servidores que aderiram a greve. Estiveram presentes representantes do SOERN, SINSENAT, SINDAS, além do Secretário de Saúde, Cipriano Maia; de representantes da SEGELM e da SEMPLA e secretárias adjuntas da saúde.
O presidente do SOERN, Ivan Tavares, que fez parte da mesa teve a oportunidade de se pronunciar e dizer que a categoria, pela primeira vez, conseguiu reunir tanta gente em uma greve muita justa e organizada. “Nós fomos punidos por ter feito um movimento legalizado”, ressaltou e acrescentou que o poder executivo é lento e burocrático para oferecer melhorias aos funcionários, mas é rápido para punir, se referindo às faltas e descontos no vencimento. Dr. Ivan, lembrou que muitos voltaram a trabalhar, mas continuam sem condições de trabalho para oferecer um serviço à população. Acrescenta ainda que, os profissionais são punidos por  levar a realidade para sociedade.
Após inúmeras discussões, chegou-se a uma proposta consensual: os servidores terão o seu desconto devolvido ainda na folha de pagamento de julho ou em folha complementar, como também o abono das faltas na ficha funcional. Tudo isso, mediante a assinatura de um termo de compromisso, pelo servidor, assumindo a reposição dos dias faltados. A forma de reposição será decidida pela gestão.
Contudo, essa proposta ainda será apresentada, por Cipriano Maia, amanhã, na Mesa de Governo, com a perspectiva de ser aprovada pelo prefeito Carlos Eduardo. Na 4ª feira (09/07), os sindicatos receberão a resposta da SMS, e posteriormente, avisarão aos seus filiados.
Estejam atentos!!!










AVISO IMPORTANTE

Hoje o SOERN participa de uma Reunião de Mesa de Negociação.
- Pauta: Faltas e Desconto no vencimento (na greve);
- Data: 07/07 (2º feira);
-Hora: 14h30;
- Local: Sec. Município Saúde ( Novotel Ladeira do Sol)
Divulgue!!! Compareça!!Sua presença é Fundamental!!!

domingo, 6 de julho de 2014

DESCONTO NOS VENCIMENTOS DOS SERVIDORES DE NATAL

ATENÇÃO SERVIDORES DO MUNICÍPIO DE NATAL


Na próxima 2ª feira (07/07), às 14h30, na Secretaria Municipal de Saúde, acontecerá uma Mesa de Negociação, para discutir o desconto nos vencimentos dos servidores e as faltas daqueles que estavam em greve. A medida arbitrária estabelecida pelo prefeito Carlos Eduardo, determinou o corte de ponto e de salário dos servidores grevistas. Posteriormente à medida, o SOERN realizou vários contatos com a SMS, conseguindo uma reunião na Mesa de Negociação para tratar do assunto em pauta.

É de fundamental importância a presença dos cirurgiões-dentistas durante a reunião, a fim de mostrarmos o nosso protesto e indignação diante de um gesto ditatorial como esse.
Estejam presentes e lutem pelos seus direitos!!!

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Dentistas municipalizados pedem reajuste salarial para o Governo do RN

Grupo de dentistas do Estado tentaram reunião com Rosalba Ciarlini na manhã de ontem (02) 
 
    
 
Representantes dos cerca de 320 dentistas do Estado que estão atualmente cedidos aos municípios potiguares se reuniram na manhã desta  última quarta-feira (02) para tentar uma audiência com a governadora Rosalba Ciarlini. A categoria quer discutir a inclusão no reajuste salarial concedido pela Lei 511/2014. A legislação concede aumento de até 21% aos odontologistas estaduais, mas exclui os municipalizados, o que é mal visto pela categoria.
Segundo o presidente do Sindicato dos Odontologistas do Rio Grande do Norte (Soern), Ivan Tavares, eles querem que os profissionais que atuam nos municípios sejam incluídos no benefício, já que são concursados pelo estado e foram cedidos sem que tivessem pedido por isso. Ele disse acreditar que a governadora está sensibilizada com a situação da categoria e espera uma resposta positiva ainda hoje.
“Esta é a nossa última tentativa de chegar a um entendimento com o executivo estadual, porque é ano eleitoral e os trabalhos no legislativo se encerrarão mais cedo. Vamos levar para a governadora a proposta do Estado fazer a inclusão e conceder o reajuste a partir do próximo ano, para aliviar o impacto financeiro, que será de R$ 1,4 milhão por mês, para o Rio Grande do Norte”, explicou.
Tavares disse que 80% dos municipalizados trabalham em Natal e o restante é dividido em Mossoró e demais cidades e que, há cerca de 15 dias, eles tentaram, sem sucesso, uma audiência com Rosalba para discutir a Lei 511/2014. Ele afirmou ainda que a categoria se sente desamparada pelo Estado e que entendem que a sua reivindicação é plenamente aceitável, já que só trará impacto a partir de 2015.
“Sabemos que tecnicamente é viável, mas o Estado sempre alega que não pode negociar porque a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) o impede. Compreendemos que há dificuldades, mas não podemos ser penalizados por estarmos cedidos aos municípios, o que foi feito contra a nossa vontade. Na última vez que procuramos a governadora, sentimos que ela estava sensibilizada com a nossa causa, então, temos expectativa que ela vá nos receber hoje e nos dar uma boa notícia”, afirmou.
 
Dentista relata falta de perspectiva
Indignação e angústia são algumas sensações vividas por muitos dentistas do Estado que estão municipalizados. Se sentindo desamparados por quem deveria defendê-los, eles relatam que foram obrigados por lei, em 1994, a trabalhar para os municípios, responsáveis por gerenciar a atenção básica de saúde, a qual fazem parte e que desde então, não possuem perspectiva alguma para o futuro.
Para a odontologista Graça Salustre, pensar na aposentadoria se tornou um pesadelo, já que não tem o direito de incorporar as gratificações pagas pelo município ao benefício e também não recebem reajuste do Estado. Ela se mostrou triste e indignada com a situação.
“A perda financeira é um fantasma que ronda a todos nós, pois, não temos direito de levar para a aposentadoria as gratificações pagas pelo município e, fora essa angústia, acrescentou-se uma lei assinada pela nossa governadora a qual exclui os municipalizados de qualquer aumento que porventura venha a ser dado aos funcionários que estão prestando seus serviços ao Estado”, desabafou.

http://jornaldehoje.com.br/dentistas-municipalizados-pedem-reajuste-salarial-para-o-governo-rn/

Mais uma vez o SOERN esteve na governadoria para tentar uma audiência com Governadora Rosalba Ciarlini


 O presidente do SOERN, Ivan Tavares e representantes dos cerca de 320 dentistas do Estado que estão atualmente cedidos aos municípios potiguares se reuniram ontem (02), para tentar uma audiência com a governadora Rosalba Ciarlini.

O objetivo é tentar inserir os municipalizados na lei 511/2014. A legislação concede aumento de até 21% aos odontologistas estaduais, mas exclui os municipalizados, o que é mal visto pela categoria. A Governadora Rosalva Cialini viajou para Brasília e não recebeu os dentistas.

Aliado a tudo os 1800 dentistas que participaram do movimento de greve legítimo tiveram o ponto cortado e  desconto em folha.

quarta-feira, 2 de julho de 2014

SOERN reúne dentistas no auditório do CRO para mais uma assembleia

O evento ocorreu na manhã de ontem (1) e teve como pauta as faltas oriundas da greve, a possível reposição salarial, condições de trabalho, entre muitas outras

Quem iniciou as apresentações foi o assessor jurídico do SOERN, Breno Cabral, com o objetivo de esclarecer a posição do sindicato em relação às faltas e seus descontos monetários. “Meu pensamento jurídico a respeito deste desconto é de que a greve ainda não foi julgada a respeito da sua legalidade ou ilegalidade. Em minha opinião, enquanto não houver declaração de regularidade ou irregularidade da greve, não pode haver desconto salarial”, disse e aproveitou o momento para pedir que os dentistas enviassem o máximo de contracheques com os descontos possíveis para impetrar um mandato de segurança coletivo, em nome do sindicato, objetivando o retorno dos valores descontados.

 A dentista Luca Régia falou da angústia que os dentistas estão sentindo. “Este desconto já vem sendo feito há muito tempo, pois nosso salário deveria ser bem diferente do atual. Nossa perda vem ocorrendo há vários anos”, lamenta e faz um apelo aos colegas: “Em lugar nenhum do mundo existe mudança sem dor, estresse e angústias. São sentimentos que fazem parte de qualquer movimento. Não vamos esquecer esses dias todos de luta. Vamos dar continuidade à luta”.

 Opinião bem parecida tem o conselheiro do CRO, Eimar Lopes, que dá importância da continuidade do movimento. “Temos que seguir, pois a população não sabe da nossa luta, o que aconteceu e nem porque entramos em greve”, disse que acrescentou que neste momento a imprensa pode ser uma forte aliada.

Enquanto isso, o presidente do SOERN, Ivan Tavares falou que desde a primeira assembleia, uma das maiores lutas tem sido inserir os municipalizados na lei 511. De acordo com Dr. Ivan, após a assembleia, ficou acertado de que amanhã (2), às 10h, os dentistas vão se reunir na governadoria para tentar conversar com Rosalba Ciarlini. Além disso, a classe decidiu organizar uma exposição fotográfica dos locais de trabalho e das condições oferecidas pela prefeitura municipal do Natal. Outra medida sugerida pelos profissionais presentes foi a divulgação na imprensa escrita de uma carta de desabafo, da colega Graça Salustre. Também está sendo elaborada uma campanha na qual os dentistas deverão vestir uma camisa preta, usar adesivos em seus carros e batas, para mostrar para a população o grande momento de LUTA e LUTO!