segunda-feira, 21 de junho de 2010

CONVOCAÇÃO!!!

AOS COLEGAS CIRURGIÕES DENTISTAS DO ESTADO

REUNIÃO NA SEDE DO SINDICATO

DATA: 21/06/2010 (SEGUNDA-FEIRA) 19H

ASSUNTO:
INDICATIVO DE GREVE
NÃO CUMPRIMENTO, PELO GOVERNO, DO ACORDO DE AUMENTO PARA JUNHO.

COMPAREÇA!!!!!!!!!!!!!!!!

SE NÃO LUTARMOS VAMOS PERDER ESSA CONQUISTA!
SOERN - UM SINDICATO DE LUTAS

terça-feira, 15 de junho de 2010

LANÇAMENTO DE LIVRO

TÍTULO: Bioética no Estado Brasileiro

EDITORA: Universidade de Brasília

AUTOR: Swedenberger Barbosa

PERFIL: Nosso colega tem uma longa trajetória de colaboração com a categoria odontológica no DF e no Brasil; foi presidente da Federação Interestadual dos Odontologistas e do Sindicato dos Odontologistas do Distrito Federal.

QUANDO: 17.06.2010 - 5ª Feira - 19 horas

ONDE: Bar Brahma Brasília - CLS 201 - Bl. C - Loja 33

sábado, 12 de junho de 2010

ASSEMBLÉIA GERAL ORDINÁRIA DA FIO

F I O - Federação Interestadual dos Odontologistas

Quando: Dias 17 (5ª) e 18 /06/2010 (Sexta-feira)

Local: Hotel Nacional - Brasília -DF

Principais pontos da pauta dos trabalhos:

Mesa de Negociação

CBHPO/FIPE

Projetos de Leis Odontologia do TrabalhoPiso Salarial

Cirurgião Dentista no hospital

Tabela de Honorários

sexta-feira, 11 de junho de 2010

ALERTA!

Estamos alertando:
Se até a data aprazada, 16 de junho, não houver resposta do Governo sobre o aumento que ficou acordado, e explicitado em outro local deste blog, não teremos outro jeito senão o de decretar indicativo de greve!

Aguardemos confiantes no cumprimento do compromisso governamental!

quinta-feira, 10 de junho de 2010

CORNETA DA COPA PODE CAUSAR SURDEZ PERMANENTE


A vuvuzela, a famosa corneta usada na Copa do Mundo da África do Sul, é a campeã na produção de barulho e pode causar perda permanente na audição.

Mesmo as adaptações fabricadas em outros países para as torcidas entrarem no clima dos jogos também produzem barulho em excesso, pelo menos é o que diz um estudo realizado pela fundação Hear the World, especializada no estudo de surdez.

A FIFA, no entanto, autorizou a utilização do instrumento de plástico durante o torneio, após um teste em estádio para 95 mil pessoas em Johanesburgo, na África do Sul, em que se avaliou a possibilidade das cornetas interferirem nos anúncios de emergência. Ainda que seja usada normalmente em partidas do campeonato local, a vuvuzela também está sendo tocada em partidas amistosas e nos treinamentos antes da Copa.

A fundação afirma que testes mostraram que a corneta produz muito barulho, ultrapassando inclusive o som produzido por uma motosserra. Os testes, realizados no último mês em um estúdio à prova de som, apontaram que a vuvuzela produz 127 decibéis, mais do que uma buzina de ar comprimido - 123.5 decibéis - ou os tambores brasileiros.

Para Luciano Neves, otorrinolaringologista da Unifesp, a exposição excessiva ao barulho pode causar lesões graves e deve ser evitada: "O cérebro se adapta, e você passa a não perceber que o volume está cada vez mais alto.

O problema é que o ouvido, que serve apenas como um canal transmissor, não tem a mesma facilidade de se adaptar como o cérebro e sofre com o impacto, daí o perigo de uma lesão mais grave", explica Luciano.

De acordo com a Hear the World, a exposição continuada a 85 decibéis pode gerar perda de audição permanente. Por isso, a organização pede que os torcedores utilizem protetores auriculares para evitar riscos.

Acima de 90 decibéis, o barulho pode causar problemas como zumbido e perda auditiva parcial. A vuvuzela soa cada vez mais forte na África do Sul na medida em que a Copa se aproxima.

O instrumento toca em locais como aeroportos e shoppings, mas nos estádios, quando dezenas de milhares de pessoas vão tocar a corneta simultaneamente, a sensação será algo próximo a um congestionamento com vários carros buzinando ao mesmo tempo.

Os médicos pedem atenção a estes resultados e recomendam que os torcedores não fiquem muito tempo expostos a este tipo de barulho para evitar danos graves.

FONTE: Natalia do Vale - http://minhavida.uol.com.br

quarta-feira, 9 de junho de 2010

MEDICINA ORAL: CFO E CFM, ENFIM, SE ENTENDEM!

A Resolução CFO 100/2010 baixa normas para a prática da Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial, sendo que o texto é resultado de conversações com o Conselho Federal de Medicina.

“Nos procedimentos eletivos a serem realizados conjuntamente por médico e cirurgião-dentista, visando a adequada segurança, a responsabilidade assistencial ao paciente é do profissional que indicou o procedimento.”

Este é o primeiro dos 07 artigos da Resolução CFO-100/2010, publicada no dia 30.03.2010 no Diário Oficial da União, que entrou em vigor a partir da sua publicação.

Para o vice-presidente do CFO, Emanuel Dias de Oliveira e Silva, que participou da última reunião da Comissão Conjunta CFO-CFM, realizada na sede do Conselho Federal de Medicina, dia 11 de março, a nova resolução – que substitui a CFO 003/1999 – encaminha de maneira inteligente a questão das competências e responsabilidades profissionais de médicos e cirurgiões-dentistas, principalmente no tocante às cirurgias a serem realizadas conjuntamente.

“A crise que enfrentávamos desde 1999 se devia ao fato de que a Resolução dizia que em cirurgias comuns à Medicina e à Odontologia a equipe deveria ser chefiada sempre por um médico. Depois de um ano de conversações, conseguimos redigir um texto melhor”, disse ele, em notícia publicada no Portal CFO, dias antes da publicação da nova Resolução.

Este ato normativo é resultado direto de estudos desenvolvidos a respeito da prática da Cirurgia Bucomaxilofacial, pela Câmara Técnica composta pelo Conselho Federal de Odontologia, que envolveu também: Colégio Brasileiro de Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial; Sociedade Brasileira de Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial; Conselho Federal de Medicina; Sociedades Brasileiras de Anestesiologia; Cirurgia Plástica Estética e Reparadora; Cirurgia de Cabeça e Pescoço; Ortopedia e Traumatologia; Otorrinolaringologia e Conselho Brasileiro de Oftalmologia.

VEJA TAMBÉM:
Resolução CFO-100/2010

CFO e CFM: Resolução conjunta

Resolução CFO 003/1999

Resolução CFM 1.536/1998

FONTE: http://medicinaoral.org/blog/

domingo, 6 de junho de 2010

PARA REPASSAR AOS PACIENTES

QUEM NÃO ESCOVA DENTES TEM MAIS RISCO DE ENFARTE: Higiene bucal menos de duas vezes ao dia faz chances de problemas cardíacos subirem 70% (Setenta por cento).

Fazer a higiene bucal corretamente pode prevenir doenças cardíacas. Estudo da University College, de Londres, concluiu que pessoas que não escovam os dentes pelo menos duas vezes ao dia têm 70% a mais de risco de desenvolver problemas no coração.

Foi a primeira vez em que se comprovou que a frequência da escovação influencia nos riscos, embora, segundo o presidente da Associação Brasileira de Odontologia, Nylton Miranda, não seja novo que a falta de higiene bucal causa doenças.

“As bactérias da boca podem migrar pela corrente sanguínea para outros órgãos, inclusive para o coração. Se a boca tem feridas causadas por falta de higiene, com sangramento nas gengivas, o risco é ainda maior”, explica o dentista.

De acordo com Miranda, os detritos que se acumulam entre dentes e gengiva também são responsáveis pelo desenvolvimento de tumores.

“A cárie se forma e fica aquela irritação constante na boca, que, no futuro, pode virar um câncer”, alerta, ressaltando que a falta de cuidado com os dentes pode levar ainda a problemas gastrointestinais.

A pesquisa investigou a higiene oral de mais de 11 mil moradores da Escócia durante 08 anos. Os participantes deram informações sobre hábitos de vida, como tabagismo, prática de exercícios físicos, idas ao dentista e histórico familiar.

Foram registrados 555 “eventos cardiovasculares”, dos quais 170 foram fatais. Levando em conta fatores que aumentam o risco de doenças cardíacas, pesquisadores descobriram que quem escova os dentes ao menos 02 vezes ao dia tem menos chance de desenvolver problemas no coração.

O coordenador da Clínica de Odontologia da Universidade Veiga de Almeida, Alexandre Novis, lembra que, há alguns anos, uma pesquisa realizada em UTIs de hospitais públicos no Brasil identificou que pacientes internados por doenças cardíacas tinham mais placas bacterianas nos dentes do que os outros.

“Isso pode significar uma menor higiene bucal. Se você não escova os dentes corretamente, tem mais formação de placas”, esclarece Novis.

Nunca durma sem escovar

Segundo os especialistas, para manter os dentes limpos o ideal é escová-los de 04 a 06 vezes por dia. De acordo com Alexandre Novis, o horário mais importante é antes de dormir.

“A saliva ajuda a lavar os dentes e manter o PH da boca. Quando a pessoa dorme a taxa de salivação diminui. Por isso é importante manter os dentes protegidos com pasta de dente”, explica o profissional.

Nylton Miranda ressalta que crianças que comem muitas balas e doces devem ser orientadas pelos pais a escovar os dentes sempre depois de comer.

“Também é fundamental usar fio dental após a escovação para retirar resíduos”, destaca, lembrando que o recomendado é ir ao Dentista a cada 06 meses “ou se houver alguma alteração na boca, principalmente quem fuma”, conclui o dentista.

Fonte: Clarissa Mello - http://odia.terra.com.br/portal/cienciaesaude

quarta-feira, 2 de junho de 2010

AUDIÊNCIA PÚBLICA: "LIXO HOSPITALAR"

AGENDE-SE: É assunto de seu interesse direto!

QUANDO - Dia 13.07.2010 - 3ª feira - 08 horas

LOCAL - Câmara Municipal do Natal

TEMA: "Lixo Hospitalar"

COORDENAÇÃO: Vereador Franklin Capistrano (Médico)

IMPERDÍVEL: SÃO JOÃO NO SOERN

EVENTO: Forró do Precatório

QUANDO: Dia 30.06.2010 - 4ª feira - A partir das 19 horas

LOCAL: Largo da Academia Norte-Rio-Grandense de Odontologia
Rua Múcio Galvão, 480

ATRAÇÕES: Música ao vivo, petiscos típicos etc..

ENTRADA FRANCA - VÁ E LEVE A FAMÍLIA!

AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE RX: 1ª SEMANA DE AGOSTO

Será realizada na 1ª semana de agosto, em data que anunciaremos em breve, a Audiência Pública na Assembleia Legislativa, sob a condução do Deputado Paulo Davim (Médico) sobre Raios X.

Aguardem confirmação! Assunto do interesse de todos!

terça-feira, 1 de junho de 2010

PALESTRA IMPERDÍVEL!!!

TEMA: CBHPO - Classificação Brasileira Hierarquizada de Procedimentos Odontológicos

QUANDO: 23.06.2010 - 4ª feira - 19h30min

ONDE: Auditório do CRO/RN

PALESTRANTE: Dr. José Carrijo Brom
Diretor da FIO - Federação Interestadual dos Odontologistas.

NÃO PERCAM MESMO!