sexta-feira, 18 de março de 2011

AINDA SOBRE OS PRECATÓRIOS

ONTEM DIA 17.03.2011, O NOSSO DIRETOR FINANCEIRO, DR. HUMBERTO DANTAS, PARTICIPOU DE UMA REUNIÃO NA SECRETARIA DE PRECATÓRIOS DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO (TRT), E FICOU DETERMINADO O SEGUINTE:

- O JUIZ QUE ESTÁ CONDUZINDO OS PRECATÓRIOS SOMENTE VAI AUTORIZAR A LIBERAÇÃO DA 2ª PARCELA DOS BENEFICIÁRIOS QUE ESTÃO HABILITADOS AO PRECATÓRIO PARCELADO, DEPOIS QUE CONCLUIR A PRESTAÇÃO DE CONTAS DOS PAGAMENTOS EFETUADOS DE FORMA INTEGRAL.

LEMBRAMOS QUE O SINDICATO JÁ FEZ SUA PRESTAÇÃO DE CONTAS, PORTANTO, TRATA-SE DE PRESTAÇÃO DE CONTAS INTERNA DO TRT.

- OS PROCESSOS DOS BENEFICIÁRIOS QUE ESTÃO NA CONDIÇÃO DE HERDEIROS E PENSIONISTAS, DEVIDAMENTE HABILITADOS JUNTO AO SOERN, SOMENTE SERÃO LIBERADOS QUANDO O JUIZ OS EXAMINAR INDIVIDUALMENTE, E DECIDIR A RESPEITO.

LEMBRAMOS QUE AQUELES PROCESSOS JÁ ESTÃO NO TRT.
A DIRETORIA

7 comentários:

  1. Esse TRT e suas burocracias.. ai ai!!
    Tou vendo a hora esse parcelamento se estender até 2020.

    ResponderExcluir
  2. É lamentável mesmo, mas é a nossa realidade...
    Eles alegam necessidade de segurança...

    ResponderExcluir
  3. eu concordo com a amiga norma,pois é uma questão que se achava que estava resolvido, e infelizmente não temos nem data prevista para receber, não sabemos valor; quer dizer então que nem o trt, nem o soern sabe informar quantas parcelas nem o valor total , que nós deveríamos saber;; obrigada.

    ResponderExcluir
  4. Se fosse ação contra pessoa física teria até hora determinada para pagamento, se passasse, pagava em dobro. Eu sei porque já tive que pagar ação trabalhista e é assim. Coisas desse BRASIL.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Existe uma data provável para aconteça esta liberação da 2ª parcela?

    ResponderExcluir
  7. É isso mesmo Javas, eu também já fui "contemplada" com uma ação trabalhista e, não só tive que pagar todas as parcelas impreterivelmente em dia(correndo o risco de pagar em dobro no caso de um atraso)como também fui humilhada pela Meritíssima Juiza quando propus um parcelamento maior do que a mesma havia determinado; nesse instante ela me falou em tom arrogante que aquilo não era crediário. Certamente crediário é a forma como teremos que receber o que nos é devido(precatórios).

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.